Featured Slider

3.6 Trilhos dos Pernetas - Edição Bininho

Como contei aqui, no dia um  participei pelo segundo ano consecutivo em mais uma edição dos Trilhos dos Pernetas.
Este ano e comparativamente com o ano passado, o percurso foi mais duro.
Andei dois dias com dores de pernas.
A prova 
Como referi no post anterior inscrevi-me nos 12 km.
Cheguei a Canedo na companhia de uma colega do Running Espinho cerca das 9.15h para levantar o dorsal; a seguir fui tomar um café e depois dirigimos para o local da partida onde encontramos e demos dois dedos de conversa com colegas destas andanças, inclusive um dos responsáveis da Organização.
Pelas 10:00h foi dada a partida. Comecei como sempre a um ritmo moderado, apesar da descida inicial e sempre que era possível e conseguia aumentava o ritmo.
Perto do primeiro abastecimento, cerca dos 5km, tive que abrandar pois senti-me um pouco fraca mas após o abastecimento recuperei e segui novamente percurso .
Após o segundo abastecimento encontrei colegas do Running Espinho, que estavam a fazer os 18km e segui com eles acabando, também, por fazer o mesmo número de quilómetros em 2h17m.
Seguiu -se a entrega de prémios e medalhas, a sande e a preta, sim este ano havia cerveja preta.
Foi uma prova dura com excelentes momentos de  convívio e diversão.
A organização está de parabéns e eu para o ano quero voltar!



Trilho dos Pernetas 3.6. - Edição Bininho

Retirada da página do Facebook Ainda não vos contei mas este ano volto a participar nos Trilhos dos Pernetas, uma prova organizada pelo Clube de Atletismo do Lamas e que começa daqui a 3h.
A edição 2019 é designada de 3.6 - Edição Bininho. O Bininho era Amigo dos Pernetas, que infelizmente deixou este mundo, em 2018.
O Trilho dos Pernetas percorre trilhos, serras e caminhos de Canedo, concelho de Santa Maria da Feira.
Com partida e chegada na Capela da Sra da Piedade, contempla o trail longo de 30km, o médio de 18, o curto de 10 e a caminhada com 8 km.

A corrida do SLB / António Leitão

Três meses depois, de ter participado na S. Silvestre de Espinho e sem  fazer muitos treinos, decidi ir a Lisboa participar na 14° corrida do SLB /António Leitão em homenagem ao atleta olímpico e espinhense António Leitão que vestiu as cores do S.C.Espinho e do S.L.Benfica. 
Foi uma decisão tomada,mais ou menos, um mês antes da prova, após um convite de uma colega e, sinceramente não pensei muito, afinal ia correr na prova do clube do coração e entrar mais uma vez no Estádio da Luz.


Mousse de Chipimix

Ontem foi dia de dar mais um jantar cá em casa, o prato principal já tinha definido na segunda feira -  lulas na cataplana com batata frita no forno; faltava decidir a sobremesa. Queria fazer algo bom e rápido.
Foi então que me lembrei de uma receita que vi no blog da Carolina Gomes da Silva e resolvi fazê-la e partilhar aqui.

Mousse de Chipimix
Ingredientes:
  • 2 pacotes de natas
  • 1 lata de leite condensado cozido 
  • 1 pacote de bolachas chipimix
Preparação:
Bata as natas até ficarem em castelo e junte de seguida o leite condensado e mexa bem.
Coloque o preparado numa taça grande e leve ao frigorífico a solidificar.
Entretanto triture as bolachas e reserve.
Coloque depois as bolachas trituradas por cima do preparado e guarde no frio até à hora de servir.
Pode ver aqui a receita original
Bom apetite!